Origens do Apagamento: Ministro Indica Impacto de Dois Eventos em Transmissão

Origens do Apagamento: Ministro Indica Impacto de Dois Eventos em Transmissão 

O ministro Alexandre Silveira, responsável pelo Ministério de Minas e Energia, destacou que cerca de um terço dos consumidores no Brasil enfrentaram os impactos do apagamento ocorrido nesta terça-feira (15), ocorrido na interrupção do fornecimento de energia elétrica em várias regiões do país. 


Durante uma coletiva de imprensa realizada na sede do MME em Brasília (DF), o ministro explicou que a ocorrência se deu devido a "dois eventos simultâneos que afetaram linhas de transmissão de alta capacidade". 


Um desses incidentes teve origem no Estado do Ceará, enquanto o segundo evento ainda não foi identificado pelo Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS). 



“Houve sobrecarga no Ceará, o que fez o sistema entrar em colapso na região, com uma perda abrupta na carga. A ONS reagiu, modulou a carga para Sul e Sudeste e fez a carga ser reduzida para proteger o sistema”, afirmou Alexandre. 
 



O ministro também enfatizou que o incidente não guarda qualquer relação com o abastecimento de energia e a segurança do fornecimento de energia no Brasil. Ele explicou que a eletricidade foi completamente restaurada em todo o sistema às 14h29, pouco mais de seis horas após o início do apagamento, ocorrido às 8h29. 

Além disso, Silveira destacou a raridade do acontecimento. Ele explicou que para ocorrer um evento de tal magnitude, seria necessário que dois eventos simultâneos sofreram afetou as linhas de transmissão de alta capacidade. Em outras palavras, é extremamente incomum que uma situação semelhante à que ocorreu no episódio de hoje se materialize. 


Na sequência, o ministro responsável pelo Ministério de Minas e Energia também anunciou a intenção de iniciar um inquérito sobre as causas do apagamento. Ele afirmou que irá solicitar a colaboração da Polícia Federal (PF) e da Agência Brasileira de Inteligência (Abin) para conduzir uma apuração completa e abrangente. 



“Vamos encaminhar tanto à Polícia Federal quanto a Abin a instauração de procedimentos para apurar eventuais dolos nesses ocorridos de hoje”, comentou. 


“Tenho absoluta convicção que o ONS, até por sua característica técnica, não vai ter condição de dizer textualmente se esses eventos foram eminentemente técnicos, ou se houve também falha humana ou até dolo”, explicou Silveira. 

 

Origens do Apagamento: Ministro Indica Impacto de Dois Eventos em Transmissão

Você também pode se interressar por

Qual Painel Solar eu compro ?

Ao comprar um painel para energia solar, existem algumas coisas importantes...

A carga de energia deve crescer 2,9% em julho, segundo a ONS

Segundo informações divulgadas pelo Operador Nacional do Sistema (ONS) em seu...

Não caia em Golpe!

Proteger-se contra golpes de boleto é essencial, e nos dias de...